quinta-feira, 22 de abril de 2010

A Rosa e o Trevo.


Bom dia sol! Bom dia mundo! Com tudo de bom e tudo que não me conforma.
Tipo a forma que ele me ver... Sei que me quer, assim como demonstro querer.
Que ele se liberte das suas limitações e venha fazer parte do meu mundo
Essa terra imensa que tende a nos acolher.
Forma natural de qualquer ser é crescer, mais e mais, independente de se pensar em véu, grinalda...
Que nada acho que não sou a motivação o suficiente pra esse carente se manifestar.
Gritar será que vai me ajudar? E se ele me achar vulgar?
Não, tenho que manter a compostura e me deixar exalar todo o meu charme aromático e sei que automático ele vai me chamar, pra fazer parte da sua vidinha.
E se não funcionar e se ele amarelar como vou ficar? Murchar no talo é que não quero! Alguém vai se sensibilizar e nem que seja me arrancar do talo vão fazer pra me ajudar, mais corro todo risco do mundo de nunca mais voltar a contemplar tamanha exuberância desse esbelto parceiro!

3 comentários:

Jéclysson Taboca disse...

Foto de: Jéclysson Taboca ( jardim de sua casa)

Carla Félix disse...

A flor não se abriria se o raio de sol não a aquecesse e animasse.

Ѵ į ѵ į ħ . disse...

adorei