sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Isso também é Liberdade!


Perambular pelas ruas com um peso imenso nas costas sem ter pra onde ir...
não ter grana pra dar um passo e andar na chuva durante horas com fome e cansado...
Altamente alterado vindo de sabe-se lá de onde.
mesmo assim... Acertar o lugar de casa... Jogar lixo no chão mesmo sabendo que está fazendo o mal... Saltar de uma altura muito grande pra sentir a adrenalina... Experimentar substâncias diferentes no seu corpo... Separadamente... E tudo junto, só pra ver até onde ia...
saber que a morte é a melhor companhia na maioria dos dias... Trabalhar exercitando a capacidade de extrair litros e litros de líquido do seu corpo pra fazer alguns sorri... Outros chorar... Vezes chocados... Vezes tocados...
Saborear toda suculência e textura de mastigar nada... Por que amanhã, procuramos um lugar pra fazer um som!
Acreditar em uma verdade somente sua e de mais ninguém, com toda força do mundo... Força de agarrar a orbita terrestre e arrancar e esfregar na cara de quem duvidou de você pelo menos por um segundo...
E se ver cada vez mais só nessa verdade vendo o exercício desumano a única forma de fazer dar certo!
O fato é... Estou ficando louco!
Saberia descrever melhor se não estivesse sentindo tudo isso degolando o único sentido de expressar essa carnificina interior.

2 comentários:

Duda disse...

"(...)saber que a morte é a melhor companhia na maioria dos dias..."

"O fato é... Estou ficando louco!
Saberia descrever melhor se não estivesse sentindo tudo isso degolando o único sentido de expressar essa carnificina interior."


Soube traduzir muita coisa (pra mim) com pouquíssimas palavras!
Parabéns :) Está muito bom teu blogger.

Jéclysson Taboca disse...

Ahhh...agradeça quem me faz sangrar... eu sou apenas um instrumento da minha dor!!

Que bom que se identificou Iris...assim eu sei que ainda existe algo humano dentro de mim...bom ? ou ruin? rsrs...